KOYNONIA-KOYNONIA-KOYNONIA-KOYNONIA-KOYNONIA-KOYNONIA

KOYNONIA - IRMÃO - KOYNONIA - UNIÃO - KOYNONIA - COMUNHÃO - KOYNONIA - UNIÃO - KOYNONIA - IRMÃO - KOYNONIA -

terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

Perdoar é também obedecer...


Senhor, quantas vezes deverei perdoar o meu irmão quando ele pecar contra mim? Até sete vezes? Mateus 18.21

A lei judaica estipulava que as pessoas ofendidas perdoassem três vezes. Pedro estava disposto a dobrar a conta e ainda adicionar mais um perdão. Não havia dúvida:  ele achava que Jesus ficaria impressionado. Só que isso não aconteceu. A resposta do Mestre até hoje nos espanta: "Eu lhe digo: Não até sete, mas até setenta vezes sete." 
Se você deu uma paradinha na leitura para multiplicar setenta vezes sete, é sinal de que não entendeu direitinho. Jesus está dizendo que estabelecer parâmetros para seu perdão é não ser misericordioso. ( Max Lucado)

Talvez, não atentamos para a importância legítima do perdão: obedecer. Perdoamos por obediência, também... porque queremos nos parecer ainda mais com o Senhor Jesus. E Ele foi obediente até a morte... e morte de cruz. Cada passo de Cristo  até a cruz, era por obediência...  
A cruz é o sinal!!  
Por amor, obedecemos... por obediência, perdoamos! E por parecermos com Cristo, exercemos a misericórdia.

Pela cruz de Cristo, Maristela Guimarães.

Nenhum comentário:

KOYNONIA - DESTAQUES DO MÊS

Deus pensou em você!





Deus pensou em você!
Na manhã de hoje...Deus pensou em você. Não diferente de ontem, precisamente ele calculou todos os riscos possíveis, que você correria neste dia, sem a intervenção dele em sua vida.
Pensou em que circunstâncias Ele teria que atuar a seu favor e através de você, com a legítima vontade de lhe abençoar.
Programou sua agenda de forma que seus sonhos se realizassem e suas expectativas fossem atingidas. Porém, observou que partes do dia ,várias vezes, (onde lhe deu liberdade de ação )você teve oportunidade de pedir ajuda e não o fez...e então conclui que por mais bem ele o fizesse e por mais bênçãos o desse, ainda assim,partes de suas escolhas seriam sem consultá-lo. Que pena! Sofrimentos poderiam ter sido evitados, dores não sentidas, frustrações não ocorridas e derrotas não vivenciadas. Porém, só assim você entendeu, já no finalzinho do dia, que era mais sensato e inteligente e bem menos dolorido, ter dito: Pai, me ajude... Mas amanhã é outro dia e tudo pode ser diferente. Já é tarde, Ele continua a te proteger e esperar a tua manifestação de filho. Seja sensato e não vá pra cama sem falar com Deus .Uma oração por menor que seja, poderá fazer uma grande diferença em sua vida.
"Que Ele cresça e que você diminua..."
(parafraseando- João Batista)
Deus te abençoe!
Pela cruz de Cristo,Maristela Guimarães.