KOYNONIA-KOYNONIA-KOYNONIA-KOYNONIA-KOYNONIA-KOYNONIA

KOYNONIA - IRMÃO - KOYNONIA - UNIÃO - KOYNONIA - COMUNHÃO - KOYNONIA - UNIÃO - KOYNONIA - IRMÃO - KOYNONIA -

domingo, 24 de abril de 2016

JOEL 2 - DEIXE O ESPÍRITO SANTO TE MOVER...



"...E, depois disso, derramarei do meu Espírito sobre todos os povos. Os seus filhos e as suas filhas profetizarão, os velhos terão sonhos, os jovens terão visões.
Até sobre os servos e as servas derramarei do meu Espírito naqueles dias.
Mostrarei maravilhas no céu e na terra, sangue, fogo e nuvens de fumaça.
O sol se tornará em trevas, e a lua em sangue; antes que venha o grande e terrível dia do Senhor.
E todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo, pois, conforme prometeu o Senhor, no monte Sião e em Jerusalém haverá livramento para os sobreviventes, para aqueles a quem o Senhor chamar.  (JOEL 2.28-32)





DEIXE ESSE ESPÍRITO TE MOVER...


PELA CRUZ DE CRISTO, MARISTELA GUIMARÃES.

sábado, 23 de abril de 2016

Um salto no escuro...



Bem sei que tudo podes e que nenhum dos seus propósitos pode ser impedido. Jó 42.2 

"Não perca de vista o futuro que Deus tem pra você, só porque não queres renunciar o conforto do presente."

O homem que me inspira hoje, é Jó. Vejo a trajetória de fé desse homem e  pergunto: Com pode crer sem ver? A realidade do velho testamento era o contrário... isso foi o que ele aprendeu. O povo de Deus foi instruindo em profecias, sinais, visões, sonhos... assim a fé de Israel foi construída. Lembra-se de Moisés com a vara? A vara não era para o profeta ainda que o serviu junto a faraó. Ela era pra formar a fé do povo. Era para demonstração do poder de Deus, visivelmente!Primeiro para Israel, depois para o Egito. Na saga até a terra prometida, vemos a nuvem e a coluna de fogo... sem esquecer a arca. Mas, a Jó não coube nada disso! Ele tinha a fé... uma fé ainda "criança", mas justamente a fé de que Jesus irá trazer à tona para o Novo Testamento. Ele ouviu tudo o que os antepassados contaram e creu. Ele não viu, ele ouviu e creu! Se Jó, num contexto todo diferente pode crer sem ver, por que não nós, hoje? Várias vezes, eu mesmo, me coloco em posição de "Tomé"... ver para crer. Mas nem sempre, Deus irá responder-me assim. A fé bíblica foi direcionada assim: Ver para crer ( profetas) - crer para ver (Jesus) - ouvir para crer(Apóstolos). Jó se encaixou no terceiro plano. Isso é fantástico! Porque isso é o ápice da fé . Jó, deu um salto, anos luz... mas a fé não seria mesmo, um salto no escuro? Essa é tônica, segundo Kierkegaard, filósofo e teólogo dinamarquês, "comete um erro muito grande quem procura o cristianismo para fugir do sofrimento, do calvário. Esse vive um falso cristianismo, o cristianismo dos rituais externos e não do grande acontecimento íntimo que muda completamente a existência." 

Deixe suas esperanças, e não seus ferimentos moldarem seu futuro."

Tenha fé!

Pela fé em Cristo, Maristela Guimarães.

sexta-feira, 22 de abril de 2016

A oração de Paulo por você...



E isto peço em oração: Que o vosso amor aumente mais e mais, no pleno conhecimento e em toda percepção, para que possais discernir as coisas excelentes, para que sejais sinceros, inculpáveis até a vinda de Cristo. (Filipenses 1:9,10)  

Na  ocasião em que escreveu Filipenses, Paulo estava preso no porão de sua casa em Roma. Ele ficava acorrentado a um soldado romano 24 horas por dia. E ainda assim, tinha tempo pra escrever e orar pelos cristãos. Um apelo emocionante e encorajador para serem unidos e constantes. Uma única oração- um pedido extravagante! 
Que o vosso amor aumente mais e mais...
Ele estava preocupado com qual tipo de sentimento  desenvolveriam os cristãos. Ele se preocupava com que tipo de aproximação teriam os servos de Deus, com Deus e com o próximo. Ele desejava algo sólido.  Um amor amadurecido...  lendo este versículo, me veio à mente, uma massa de bolo. Ao colocamos no fogo, ela vai crescendo,crescendo e crescendo... na verdade, evoluindo, até a plenitude.  Penso que é essa a intenção de Paulo, porque deve ser assim mesmo, o amor. Nunca parar de crescer até chegar a plenitude, o amadurecimento, o que deverá custar a nossa vida toda... 

No Pleno Conhecimento
 E claro, o autor diz qual fermento usar nesse bolo: conhecimento. Um bolo, pra crescer, tem que ter o fermento certo e a quantidade exata. Então, o amor tem que ser pleno em conhecimento. Não é um amor abstrato. Ele tem que ter base, firmeza, conteúdo... raiz. Sabe, tudo que começa de qualquer jeito, vai terminar de qualquer jeito. O amor a Deus não é um sentimento qualquer e o amor ao próximo, também não pode ser. Ele deve fluir do descobrimento do ser amado. Há de se conhecer quem ama!! Conhecimento nos lembra, razão. E talvez, você esteja pensando:  amor e razão podem andar juntos? Engana-se quem pensa que amor é ausência de racionalidade. Isso é paixão, não amor! E ilude-se quem pensa que conhecimento é falta de emoção. Entrevista um cientista e você ficará estupefato com a emoção que existe por trás de cada descoberta... isso é conhecimento! Então o amor é razão e emoção, por isso, deve ser pleno em conhecimento. Quem tanto ama a Deus deve conhecer o Deus que diz tanto amar. E quem ama ao próximo, deve manifestar um sentimento evolutivo... o amor em qualquer esfera dever se desenvolver naturalmente e espontaneamente quando, biblicamente é alimentado, ou seja, em toda percepção. o ato de perceber alguma coisa, no sentido social, comunitário, relacional e outros, uma vez que existe diversidade de percepção. A mais provável aqui... Percepção social - consiste na capacidade de ver e interpretar o comportamento de outros indivíduos e é essencial para a interação social. 
O amor...
uma parte razão
uma parte emoção
uma mistura de conhecimento e percepção. 

Para que possai discernir...
Como todo mundo sabe, o bolo é uma mistura e para dar certo tem que ser preparado adequadamente. Precisamos de: ingredientes corretos, paciência( tempo e dedicação) e um forno regulado. Então, não podemos errar nos ingredientes. Precisamos de sabedoria ao usar cada um... precisamos de paciência para saber como adicioná-los no tempo certo e misturá-los bem, precisamente, sem pressa. Preparar o forno e regulá-lo corretamente é fundamental. Não abri-lo antes da hora é determinante para o bolo não solar. Eu sei, você nunca imaginou que fosse tão complicado, né? Nem eu... na verdade isso é teoria, pois  na prática, deve ser muito mais difícil!  Mas o amor é tão bolo! Tem sabor, tem beleza e tem de dedicação às pampas! E para fluir bem, crescendo em pleno conhecimento e toda percepção, o discernimento é o ponto alto. O amor precisa saber discernir! Sim, os ingredientes como palavras, atos, sinais e manifestações devem estar muito bem misturados até atingir a homogeneidade. A paciência para esperar o tempo certo de cada coisa... respeitando o outro em seu próprio tempo. E claro, mantendo a temperatura ideal. Nem muito alto, para não queimar e nem muito baixo, para não estragar... E, tal sentimento deve ser sempre altruísta, dedicado e disponível. 

"Como uma placa posicionado na madeira de uma lareira “Se o seu coração for frio, o meu fogo não poderá aquecê-lo”, 


A falta de discernimento é a desgraça da igreja... a falta de discernimento é a desgraça de um homem e mulher de Deus. A falta de discernimento é a desgraça dessa geração de adoradores. Já vi pessoas perdendo tudo o que Deus deu por ouvir quem não devia. Crentes perdendo a família por só pensar em si mesmos. Perdendo a comunhão com o santos por escolhas erradas e ainda culpando a liderança porque ficaram sozinhas. Não pensaram em ninguém quando fizeram suas escolhas, não consideraram a vontade de Deus se quer... Cristão sem discernimento é como um forno sem fogo. É frio e calculista, não aquece coração nenhum. Por não manter a  temperatura ideal, ele estraga toda a massa...um desastre! Muitos estão fazendo o  bolo de qualquer jeito. 
E Paulo orou justamente por se preocupar com essas possibilidades...

a fim de que possais compreender o que é melhor, para que vos torneis puros e irrepreensíveis até o dia de Cristo.

Paulo orava para que os filipenses alcançassem a capacidade de diferenciar o certo e o errado, o bem e o mal, o vital e o trivial. Devemos pedir discernimento a Deus a fim de conservarmos nossos valores cristãos bem como, os morais




"Vocação é saber que Deus pode usar o que eu sou e o que eu tenho aonde estou."

pela Cruz de Cristo,Maristela Guimarães.

domingo, 17 de abril de 2016

De volta a ativa...



Vai ter com a formiga, ó preguiçoso; olha para os seus caminhos, e sê sábio.
Pois ela, não tendo chefe, nem guarda, nem dominador,
Prepara no verão o seu pão; na sega ajunta o seu mantimento.


(Provérbios 6:6-8)

As formigas me deram uma grande lição... estou vivendo uma briga com elas. Eu as identifico e logo as mato então, elas encontram outro caminho e voltam a ativa. Esse desespero volta de dois em dois dias. Hoje pela manhã ao descer à cozinha, identifiquei novamente uma fila imensa delas... na mesma hora pensei alto: elas não desistem nunca! Tal frase, entrou dentro de mim num estalo! E nós, seres tão inteligentes e racionais, por que não temos essa resiliência tão natural das formigas?  
O texto bíblico é um conselho de Salomão ao preguiçoso... não é o meu caso. Mas o texto retrata bem o que quero manifestar aqui. Para Salomão observar as formigas é ser sábio. Então, vamos observá-la?
Elas sempre voltam a ativa mesmo sendo resistidas pelos opressores. As formigas não param e nem se deixam parar. Outro detalhe a ser considerado: elas fazem seu próprio caminho... e diante de um obstáculo dão volta, simplesmente, traçando outro. Curiosamente, prevenidas! Trabalham até para o tempo caótico, de crise. 
Que salomão era sábio, já sabemos, mas esse conselho que ele nos dá é precioso...
Poderemos: O que obviamente fazemos diante de tantas investidas em vão? Desistimos. Mas o que fazem as formigas? Insistem permanentemente.  Quando deparamos com alguém ou alguma coisa que atravessa nosso caminho... empacamos, travamos. Elas não! Dão volta e seguem seu destino não se deixando vencer, dominar. Outra certeza, nós somos imediatistas. Trabalhamos para o hoje, desejamos ver resultados urgente, queremos tudo agora... elas não! Tem visão ampla... estocam resultados de trabalho por longos períodos, sem pressa e sem cessar. Agora, a maior das lições, por isso a deixei por último: elas nunca trabalham sozinhas e nunca para si mesmas. Elas vivem em grupos e unidas.
Lição:  É muito mais saudável, seguro e animador quando caminhamos juntos, construímos juntos e conquistamos juntos. 
Não importam as dificuldades... vamos aprender! E se alguma coisa nos impediu de prosseguir... estamos de volta a ativa!!!
Pela cruz de Cristo, Maristela Guimarães. 

quinta-feira, 14 de abril de 2016

Para os refugiados em Cristo... uma palavra de conforto.



Lembre-se disto: quem é, verdadeiramente responsável, também é solitário. A solidão se instala onde se instala a responsabilidade. Em última análise, os maiores líderes precisam pagar o preço da liderança. Consideremos alguns exemplos: Moisés não tinha amigos íntimos. Tampouco os teve, Josué. Você encontra Davi com Jônatas apenas na mocidade — mas quando Davi se tornou rei de Israel, suas maiores batalhas, suas orações mais profundas e suas decisões mais difíceis ocorreram na solidão. O mesmo aconteceu a Daniel. E quanto aos demais profetas? Foram os mais solitários de todos os homens do Velho Testamento. Paulo freqüentemente mencionou isso em suas cartas. Assim disse ele a seu discípulo Timóteo: "... todos os que estão na Ásia me abandonaram" (2 Timóteo 1:15)  Essas pessoas se qualificariam como ilustrações da declaração de A. W. Tozer: "A maior parte dos líderes deste mundo tem sentido solidão."

 "Aquietai-vos e sabei que eu sou Deus."

Em cada vida há uma pausa que é melhor do que a correria desenfreada, melhor do que o esforço máximo, a façanha mais bela; É permanecer tranqüilo sob a vontade Soberana. Há silêncio melhor do que o discurso mais ardente, melhor do que ficar quieto, que o choro desértico; é continuar tranqüilo sob a vontade Soberana. A pausa e o silêncio entoam cântico em dueto, em uníssono calmo e duradouro: Alma humana, o plano traçado por Deus  é executado — não precisa da ajuda! Tranquiliza-te e vê! Permaneça tranqüilo e aprenda!"

Deus é o nosso refúgio e a nossa fortaleza, auxílio sempre presente na adversidade.
Por isso não temeremos, embora a terra trema e os montes afundem no coração do mar,
embora estrondem as suas águas turbulentas e os montes sejam sacudidos pela sua fúria.
(Salmos 46:1-3)
(Extraído do livro - A busca do caráter - Charles Swindoll )

Pela cruz de Cristo, Maristela Guimarães.


domingo, 10 de abril de 2016

Li, gostei, postei... rápido e urgente!




Toda arma forjada contra ti, não prosperará. (Isaías 54;17 a)


Debaixo de grande tensão não tome nenhuma decisão. Ore e espere sentir paz e alegria. Quando sentir-se em paz é sinal que Deus aprovou sua decisão. Não podemos andar ansiosos por coisa alguma. Quem pretender colher não pode esquecer de plantar. Colhemos sempre aquilo que plantamos, não existe nenhum atalho. ( Pastor Chinelato) 

O coração diz o que é melhor pra você agora, Deus diz o que vai ser o melhor pra você o resto da vida! Ainda que o próprio inferno se levante contra você, ninguém poderá derrotar você. Você está protegido. Deus está com você. (Max Lucado)

"Algumas pessoas só aprendem as lições da Vida quando a mão do destino lhes toca nos ombros." [Napoleon Hill]

Pela cruz de Cristo, Maristela Guimarães.

sábado, 9 de abril de 2016

Lagrimei...



Pressão no peito
Suspiro intenso
Volta ao tempo...
Pessoas amadas
Rosas amargas
Que no jardim secou
Cheiro de morte
Triste canção
Oração...
"O Senhor deu
O Senhor tirou
Bendito seja
O nome do Senhor"
Lagrimei...
Saudade

Pela cruz de Cristo, Maristela Guimarães.

domingo, 3 de abril de 2016

Série mulheres de fé... a mulher sem nome.



Uma mulher reconhecida pela sua fé e sabedoria. A bíblia não fala seu nome, somente o lugar de onde ela é. Por ser de Suném, seu codinome ficou, sunamita. A sua história se mistura à história do profeta Eliseu, construindo ali, naquele lugar o palco para os milagres de Deus. Essa mulher contemplou em sua casa e na sua vida a glória de Deus... Uma mulher de fé vê o que mais ninguém vê... ela observou Eliseu, enquanto este, passava na cidade exercendo seu ofício de profeta. A cidade era um pouco antes de Carmelo,lugar em que  o profeta se retirava espiritualmente para ouvir a Deus. Ele não tinha lugar definido pra se estabelecer... enquanto viajava. E a Sunamita observou bem isso. Ninguém mais, somente ela. Ela o recebia, alegremente,em sua casa, junto ao seu esposo, para alimentá-lo. E isso era sempre que Eliseu passava por ali. Uma mulher de fé reconhece quando está diante de algo de Deus - Ela teve discernimento. Disse ela ao marido: Vejo que este que passa sempre por nós é santo homem de Deus. Não é qualquer mulher que tem a visão certa sobre os propósitos de Deus. Eliseu era homem de Deus... mas parece que ele mesmo nada falou. Ela sim, percebeu.
Uma mulher de fé tem a visão certa de Deus e faz o que é certo aos olhos do Senhor. Então, a bíblia relata que ela decidiu fazer um quarto mobilhado para atender o profeta quando este passasse por lá. Ela usou seu dinheiro para abençoar, Eliseu. Veja bem, ela não só gostava de receber a pessoa de Deus em sua casa, como também tinha o cuidado de saber como recebia. Abrir a porta da sua casa para a pessoa certa fez uma grande diferença!

Uma mulher de fé nunca fica "em off".

Enquanto essa mulher observa Eliseu, foi por ele e pelo servo, observada. Enquanto ela reconhecia o homem de Deus, ele a reconhecia também. Enquanto ela o abençoava com suas posses o mesmo, deseja abençoá-la com sua autoridade espiritual. A palavra diz que um dia, dentro do quarto descansando, Eliseu decidiu fazer algo por ela. A chamou e perguntou o que ela queria receber dele, por gratidão, ao tratamento que ela o dispensava. Me parece que ela não teve nenhuma necessidade... mas no coração do profeta ficou o desejo de abençoá-la,´ainda assim.. Então, ele questionou o seu moço, o ajudante de profeta: que farei por ela? O moço respondeu: ela não tem filho. E ele profetizou a bênção da fertilidade. Algo que ela por sua idade não esperava mais... uma mulher de fé receberá de Deus sempre além do que se espera.  “Neste tempo designado no ano que vem abraçarás um filho.” Ela achou que nunca carregaria um filho nos braços, mas isso por fim aconteceu, conforme Eliseu havia dito. Infelizmente, a alegria dela durou pouco. Alguns anos depois, o menino teve uma forte dor de cabeça quando estava no campo. Ele foi levado para casa, e acabou morrendo no colo da mãe. Mas uma mulher de fé nunca desiste de sua promessa... Ela,enlutada, pegou o corpo do filho e com cuidado o pôs na cama em que o profeta, geralmente, dormia. Sem demora, e com a permissão de seu marido, ela viajou por uns 30 quilômetros até o monte Carmelo para falar com Eliseu. Ao encontrar-se com  o moço nada falou. Mas com o profeta, se rendeu e comunicou o fato. Eliseu mandou o seu ajudante ir estar com o menino porém, para ela não era suficiente. Ela não voltou enquanto Eliseu não concordou em ir com ela. De fato, o moço não resolveu o caso, somente, Eliseu ressuscitou a criança. 
Uma mulher de fé sabe a quem ir num momento de impossibilidade. 
Sejamos como essa mulher... e a glória do Senhor habitará em nosso lar. 

Pela cruz de Cristo, Maristela Guimarães.

sábado, 2 de abril de 2016

Enfrentando a hostilidade humana...

Passar por fases e enfrentar batalhas é do ser humano... Quando mais jovens somos mais fortes, eu acho. Queremos vencer o tempo todo... já na fase adulta, nem todas. Aprendemos a peneirar e escolher qual, realmente, valerá a pena. Mas, às vezes, algumas nos surgem e a demanda é grande... não podemos escolher, ignorar ou simplesmente, deixar pra lá. Bem, o mês de março me reservou algo desse tipo. Situações difíceis surgiram e precisei enfrentar. Seria bom me fingir de louca como Davi, mas não dava, a oposição não era nobre. Também, achei que entrar dentro de uma caverna me cairia bem, como Elias, lembra? Infelizmente, não era propício. Entendi, vou ter que encarar essa. A oração é uma arma poderosa... creia! Mesmo quando ,fisicamente, estivermos um trapilho. A Palavra é um escudo... mesmo quando estivermos fracos demais para lê-la. Em tempos desses, me vem à memória, José. Ele precisou vencer a hostilidade dos próprios irmãos. E ainda assim, vemos que esse homem, não permitiu ficar em seu coração nenhum resíduo de mágoa. Isso sim é vitória!! Pois no final, ele pode celebrar,livremente, de alma, corpo e espírito.
 José incomodou muita gente... Você só incomoda quando surpreende! Se as pessoas não esperam nada de você e você reage com nada... não incomoda! Mas do contrário, adquire-se inimigos sem desejar. 
José, incomodou seus irmãos porque era um sonhador. Os sonhadores sempre incomodarão. José, incomodou seus irmãos porque Deus se revelara a ele. Os escolhidos sempre incomodarão! José, incomodou seus irmãos porque era amado e querido pelo pai. As pessoas queridas e amadas sempre provocarão incômodo. 
José incomodou a mulher de Potifar porque era um jovem de  caráter e espiritualidade. As pessoas de caráter e espiritualidade sempre irão incomodar! 
Dentro da prisão José fez o que poucas pessoas conseguem fazer numa realidade hostil:  serviu... e se destacou por isso. Usou suas habilidades de líder e de servo de Deus. Mesmo sem merecer tudo aquilo, ele decidiu ser o melhor naquela situação. Usou a adversidade a seu favor. Deus lhe deu a oportunidade de interpretar um sonho e ele não desperdiçou. Foi humilde, pedindo um favor... que só lhe foi feito dois anos depois. Não, José não era um homem azarado, ele era a peça chave dos planos de Deus, naquele tempo, pra levar seu povo para o Egito... pessoas que estão dentro do propósito de Deus padecerão perseguição e irão incomodar muita gente, e o inferno todo.  Mas, o que importa é que nada e ninguém freou José. 
Tenho que dizer que desde que conheci a experiência de vida desse homem nunca mais fui a mesma... ele sempre me inspira nas adversidades. E nesses dias de hostilidade ele sem dúvida é um exemplo. 
Não esqueça de José... 
Pela cruz de Cristo, Maristela Guimarães.

KOYNONIA - DESTAQUES DO MÊS

Deus pensou em você!





Deus pensou em você!
Na manhã de hoje...Deus pensou em você. Não diferente de ontem, precisamente ele calculou todos os riscos possíveis, que você correria neste dia, sem a intervenção dele em sua vida.
Pensou em que circunstâncias Ele teria que atuar a seu favor e através de você, com a legítima vontade de lhe abençoar.
Programou sua agenda de forma que seus sonhos se realizassem e suas expectativas fossem atingidas. Porém, observou que partes do dia ,várias vezes, (onde lhe deu liberdade de ação )você teve oportunidade de pedir ajuda e não o fez...e então conclui que por mais bem ele o fizesse e por mais bênçãos o desse, ainda assim,partes de suas escolhas seriam sem consultá-lo. Que pena! Sofrimentos poderiam ter sido evitados, dores não sentidas, frustrações não ocorridas e derrotas não vivenciadas. Porém, só assim você entendeu, já no finalzinho do dia, que era mais sensato e inteligente e bem menos dolorido, ter dito: Pai, me ajude... Mas amanhã é outro dia e tudo pode ser diferente. Já é tarde, Ele continua a te proteger e esperar a tua manifestação de filho. Seja sensato e não vá pra cama sem falar com Deus .Uma oração por menor que seja, poderá fazer uma grande diferença em sua vida.
"Que Ele cresça e que você diminua..."
(parafraseando- João Batista)
Deus te abençoe!
Pela cruz de Cristo,Maristela Guimarães.