O risco de termos Jesus em nosso meio e não o reconhecermos...

196545_280963492018797_1419625819_n“...No meio de vós estas alguém que não conheceis.”

João Batista reconheceu porque estava conectado. Mas os outros, religiosos, não! Eu oro pra que Deus te pegue de jeito... pois como alguém que não conhece o Filho pensa entrar no reino do Pai?

Para conhecer Jesus é preciso de alguns princípios:

O principio da humildade...

“Eu não sou o Cristo.”

Quem era João? Foi a pergunta que fizeram. Eu não sou o Cristo. Em outras palavras: tenho a mesma idade dele, minha mãe foi notificada sobre mim do mesmo jeito por um anjo, somos parente-primos... mas eu sou só um homem. És tu Elias? És o profeta? Não! Que dizes de ti mesmo? Eu sou a voz que clama no deserto...Endireitai o caminho do Senhor! em outras palavras: Eu sou somente uma voz!

Principio do discernimento...

“Eu sou a voz que clama no deserto: Endireitai o caminho do Senhor.”

João citou o texto em que Isaías profetizara a seu respeito. Saber quem somos e o lugar que ocupamos no reino de Deus faz toda a diferença. Eu sou uma voz desértica... não sou profeta de palácio( Elias foi), nem sacerdote de templos e levitas da religião( como eles eram). Ele era um profeta do deserto porque assim retratava os corações daquele povo. Você estão lá no templo em meio à torá e não sabem de nada... eu estou no deserto e sei de tudo! Muitas vezes a geografia faz uma diferença enorme na vida da gente. O lugar onde estamos fala quem somos. É muito forte a questão geográfica em nossas vidas! Se João não tivesse se isolado no deserto para ser o que Deus queria, ele por certo não seria tão sensível à voz de Deus e seu coração talvez estivesse como daqueles homens que vieram-lhe questionar: vazio, frio e sem discernimento.

Principio da obediência...

“Eu não o conhecia mas o que me mandou batizar com água, me disse ...“ João não tinha ideia do que lhe aguardava, mas sabia que ele não era o mais importante. Ele sabia de sua importância e função... mas sabia que não era o mais importante. Ele era apenas uma voz e tinha que fazer o seu trabalho. Ele ouviu a voz de Deus e obedeceu.

Princípio da interatividade...

“Eu batizo com água mas aquele sobre quem vires descer o espírito batiza com o Espírito Santo.” Estou trabalho com ele. Ele no canto dele e eu no meu... mas estamos cavando o mesmo poço. Estamos ligados e conectados. Porém, ele é maior que eu e não sou digno de desatar suas sandálias... E a glória é dele!

“Eu sou o que a bíblia diz que eu sou.

Eu tenho o que a bíblia diz que eu tenho

Eu vou onde bíblia diz que eu vou! “

Quem você é no reino de Deus? Pra quem sua vida está apontando? Os questionadores de João eram levitas e sacerdotes... mas não sabiam reconhecer o filho de Deus em seu meio. E você, está como eles? “...No meio de vós estas alguém que não conheceis.”

Cuidado!

Pela cruz de Cristo, Maristela Guimarães

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

QUANDO DEUS NOS LEVA PARA O DESERTO...

Passemos para o outro lado... mudança de nível.

O agir de Lapidote...