Para os refugiados em Cristo... uma palavra de conforto.



Lembre-se disto: quem é, verdadeiramente responsável, também é solitário. A solidão se instala onde se instala a responsabilidade. Em última análise, os maiores líderes precisam pagar o preço da liderança. Consideremos alguns exemplos: Moisés não tinha amigos íntimos. Tampouco os teve, Josué. Você encontra Davi com Jônatas apenas na mocidade — mas quando Davi se tornou rei de Israel, suas maiores batalhas, suas orações mais profundas e suas decisões mais difíceis ocorreram na solidão. O mesmo aconteceu a Daniel. E quanto aos demais profetas? Foram os mais solitários de todos os homens do Velho Testamento. Paulo freqüentemente mencionou isso em suas cartas. Assim disse ele a seu discípulo Timóteo: "... todos os que estão na Ásia me abandonaram" (2 Timóteo 1:15)  Essas pessoas se qualificariam como ilustrações da declaração de A. W. Tozer: "A maior parte dos líderes deste mundo tem sentido solidão."

 "Aquietai-vos e sabei que eu sou Deus."

Em cada vida há uma pausa que é melhor do que a correria desenfreada, melhor do que o esforço máximo, a façanha mais bela; É permanecer tranqüilo sob a vontade Soberana. Há silêncio melhor do que o discurso mais ardente, melhor do que ficar quieto, que o choro desértico; é continuar tranqüilo sob a vontade Soberana. A pausa e o silêncio entoam cântico em dueto, em uníssono calmo e duradouro: Alma humana, o plano traçado por Deus  é executado — não precisa da ajuda! Tranquiliza-te e vê! Permaneça tranqüilo e aprenda!"

Deus é o nosso refúgio e a nossa fortaleza, auxílio sempre presente na adversidade.
Por isso não temeremos, embora a terra trema e os montes afundem no coração do mar,
embora estrondem as suas águas turbulentas e os montes sejam sacudidos pela sua fúria.
(Salmos 46:1-3)
(Extraído do livro - A busca do caráter - Charles Swindoll )

Pela cruz de Cristo, Maristela Guimarães.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

QUANDO DEUS NOS LEVA PARA O DESERTO...

Passemos para o outro lado... mudança de nível.

O agir de Lapidote...