Não coloque um desvio onde Deus fez uma reta...

CP1CdQnWwAAm1sqUma decisão que vem alterar a vida de muitos... Em São Paulo, a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) teria abandonado o projeto de uma ciclovia em linha reta por outra com desvios, dois quarteirões abaixo, na rua Alexandre Dumas, no bairro Santo Amaro. Na ocasião, a folha de São Paulo, levantou a possibilidade de ser a família do secretário a maior beneficiada. Se isso é verdade não sabemos, mas era uma ciclovia reta que foi alterada pela vontade de alguns... Em nossa vida, muitas vezes, acontece o mesmo. Deus escreve os acontecimentos em uma reta e nós, por pura ignorância espiritual, criamos desvios e culpamos a Deus por isso. Vontade própria é um fator preponderante para os equívocos em nossa vida. Não foi assim com o povo de Israel? A historia é a casa da  teologia e ela nos conta a revelação de Deus, primeiro, diz respeito à história de seu relacionamento com Israel. Todavia, o maior perigo não vinha de fora de Israel, mas dela mesma. O ceticismo do povo de Israel em relação à presença de Deus, em especial com Moisés, deveria ser amenizado pelos sinais, como a transformação de sua vara em serpente e a cura de sua mão leprosa (Êx 4.1 -8). Os israelitas, como Faraó, também não eram  sensíveis à revelação de Deus e de seus propósitos por meio dessas obras sobrenaturais. O Senhor perguntou a Moisés: “Até quando este povo me tratará com pouco caso? Até quando se recusará a crer em mim, apesar de todos os sinais que realizei entre eles?” (Nm 14.11; cf. v. 22)  Infelizmente, nem mesmo essas claras demonstrações foram capazes de penetrar no coração endurecido e na mente obscurecida deles (Dt 29.2-6). E isso, repercutiu na saga deles rumo à promessa... e em todos os exílios, perdas e danos do seu povo. Deus escreveu uma história linda em uma reta extensa de milagres, sinais, maravilhas... mas eles colocaram por conta própria desvios de incredulidade.

Se a história é a casa da teologia, deve ser muito mais para nós, os filhos de Deus, a luz para nos conduzir diante das trevas da incredulidade. Pois ela é, indiscutivelmente, a Palavra de Deus para os homens.

Cuidado! Não coloque desvios onde Deus traçou uma reta para você trilhar...

Pela cruz de Cristo, Maristela Guimarães.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

QUANDO DEUS NOS LEVA PARA O DESERTO...

Passemos para o outro lado... mudança de nível.

O agir de Lapidote...