Acima de toda comparação... dias de guerra, dias de glória!





O que o texto não diz:

Que haverá tribulação pesada e essa não terá contemplação do alto.
Que haverá tribulação, demasiadamente, longa e sem o olhar de misericórdia do Senhor...
Que a tribulação por qual os filhos de Deus passam são iguais e com mesmo efeito...

Dias de guerra... dias de glória!

Qualquer um pode pregar o evangelho em um monte cercado de margaridas, mas só alguém cheio de fé pode viver o evangelho em uma montanha de dor. Max Lucado

O texto diz que o efeito que a tribulação em nós exerce é de  um peso de glória, acima de toda comparação. O que o texto está dizendo,então? Que por mais pesada e longa que pareça ser nossa tribulação... não é!Não estou doida. A bíblia está afirmando isso! E que a tribulação reserva uma promoção: eterno peso de glória, acima de toda comparação. O escritor, Paulo, cheio de marcas físicas, compartilhando dores e sofrimentos por amor ao evangelho, não desfalece por estar esperançoso em Cristo... seu olhar está no eterno peso de glória, sem comparação. Não pense no que você perdeu... foca no que virá. E até que venha, espere e continue... não temos que agir mas, aprender a reagir, através da perda vem o ganho. Escolha pegar o que você perdeu e entregar como semente. Satanás não pode roubar aquilo que você colocou no altar como semente!!!! Aleluia!!!

"Todas as coisas cooperam para o bem... " Paulo, falou sobre isso em romanos 8.28 e José, viveu esse versículo, completamente, "Vocês intentaram o mal contra mim, porém Deus o tornou em bem..."Gn. 50.20 acima de toda comparação.  

Pela Cruz de Cristo, Maristela Guimarães.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

QUANDO DEUS NOS LEVA PARA O DESERTO...

Passemos para o outro lado... mudança de nível.

O agir de Lapidote...