Contradições...






Contradições...

De que adianta construir um palácio se o Rei dos Reis não estiver dentro dele...Um estábulo e uma manjedoura não seria melhor?
 Queremos um vida de príncipes e princesas porém, vivemos como mendigos... sem usufruir do que nos é de direito pelo simples fato de não exercitarmos dependência plena em Deus. Como a parábola  do filho pródigo estamos perto do pai e preferimos ficar longe... ou decidimos estar longe ainda que por perto...ambos os filhos perderam e erraram...
Desejamos as bênçãos de Deus mas, no afã de decidirmos nossa vida e no orgulho de destacarmos nela, acabamos por viver das migalhas que  adquirimos pelas nossas forças. Fazemos como Esaú, trocamos a bênção por um prato de lentilha... ou  como Jacó apelamos, passando a perna até no irmão...
Sabemos o certo, mas insistimos em fazer o errado. Nos deixamos  levar pelas emoções e acabamos por chutar o balde...erramos com Deus e ainda o questionamos pelas consequências...Como Jonas,parecemos crianças birrentas achando que Deus tem o dever de agradarmos.
Como Pedro, fazemos juras e promessas de amor eterno porém, quando surge o momento propício de testemunharmos... fazemos o contrário: Negamos e insistimos com isso!
Poderia continuar... mas creio que essas contradições já são suficientes para nossa reflexão.
Como tem sido o nosso proceder como filhos de Deus?
"As misericórdias do Senhor são as causas de não sermos consumidos, pois suas misericórdias não tem fim".Lamentações 3.22
"Novas são cada manhã..." Ainda há esperança. Temos jeito.Busquemos ao Senhor!
Pela cruz de Cristo,Maristela Guimarães.




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A família não é uma instituição falida... falido é satanás!

Um amor que começa em Deus...