Quando os conselhos dos pais... tornam nobres, seus filhos.

images (22)

“E você, meu filho Salomão, reconheça o Deus de seu pai, e sirva-o de todo o coração e espontaneamente, pois o Senhor sonda todos os corações e conhece a motivação dos pensamentos. Se você o buscar, o encontrará, mas, se você o abandonar, ele o rejeitará para sempre.”

Me parece que Davi tentou consertar seus erros antes de morrer, pelo menos o fez com Salomão... Não foi Davi quem escolheu Salomão para reinar, na verdade foi Deus. Ele determinou a Davi que seria Salomão que construiria o templo, este o sucedendo como rei. Essa escolha não agradou a todos,claro, inclusive o irmão, Adonias. As palavras de Davi foram sábios conselhos para um jovem rei. Conta-se a história que após Salomão ter oferecido mil sacrifícios queimados sobre o altar de bronze, no tabernáculo, naquela mesma noite, em sonho, Deus apareceu para Salomão e lhe concedeu o direito de lhe fazer pedidos...”peça-me o que quiser.” E Salomão, seguindo a orientação de Davi, foi humilde e simples em seu pedido. Ele pediu sabedoria. Um coração nobre, deseja coisas nobres... e Deus lhe concedeu muito mais. Em sua palavras Deus o garantiu que ele seria único em bens, poder e honra como ninguém. Salomão herdou de Davi o amor pela casa de Deus, amor pelo povo de Deus e amor pelo próprio Deus.

Salomão foi nobre com seu irmão, Adonias... mesmo sabendo de sua inveja e planos para tirá-lo do reinado. Salomão foi nobre com sua mãe.. a tratou como deveria tratar uma rainha,indo ao encontro dela e se inclinando a falar-lhe, ordenou que fizesse uma cadeira para que ela assentasse ao seu lado direito. E seus ouvidos estavam abertos aos pedidos de sua mãe. Salomão foi nobre com todo os empregados, com todos os convidados e visitantes que se aproximavam para conhecer a sabedoria do rei. Não se distanciou do templo do Senhor e o fez um lugar santo ao Senhor.

Infelizmente, Salomão é um exemplo de que começar bem, não significa terminar bem... na velhice, fez tudo o que não deveria fazer, um rei. Multiplicou cavalos, se encheu de mulheres, prata e ouro. Depois de velho, perdeu o juízo! E Deus por amor a Davi, seu pai, o poupou. Mesmo todo errado, ainda permaneceu com o reino até sua morte...                

Os pais são representantes legais de seus filhos diante de Deus. Autoridades espirituais reconhecidas por Ele... profetas de suas casas. Os pais que honram ao Senhor são vasos de bênçãos para seus filhos. Eu sei, que as orações de minha mãe, de meu pai, me abençoaram e ainda me abençoam. Meu pai tinha a prática de entrar para seu quarto, orar uma hora, todos os dias, por seus filhos. Como eu admirava isso, e como me sentia segura! E eu sei, que Deus colocará ao meu lado, um homem tal qual meu pai, de oração e intercessão. Seja você uma bênção para seus filhos...

Pela cruz  de Cristo, Maristela Guimarães.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

QUANDO DEUS NOS LEVA PARA O DESERTO...

Passemos para o outro lado... mudança de nível.

O agir de Lapidote...