KOYNONIA-KOYNONIA-KOYNONIA-KOYNONIA-KOYNONIA-KOYNONIA

KOYNONIA - IRMÃO - KOYNONIA - UNIÃO - KOYNONIA - COMUNHÃO - KOYNONIA - UNIÃO - KOYNONIA - IRMÃO - KOYNONIA -

quinta-feira, 19 de junho de 2014

Ideias próprias de como agir... mata a comunhão com Deus.

comunhão

O rei Saul foi rejeitado por Deus não porque roubasse, mas porque poupou o que havia de melhor entre os bois e ovelhas para sacrificá-los ao Senhor. Foi algo que brotou de sua mente... Deus o mandou fazer uma coisa e ele fez outra. não seguir as instruções de Deus foi um erro enorme.  “Então o Senhor falou a Samuel:

"Arrependo-me de ter constituído a Saul rei, pois ele me abandonou e não seguiu as minhas instruções". 

Desobedeceu e perdeu... Saul tinha um espírito insubordinado... resistente à obediência. Não era esse espírito que prevalecia em Caim? Abel fez tudo de acordo com o costume. Já Caim, não... e foi rejeitado. Que foi o mesmo espírito de Adão... Deus deu uma instrução e ele desobedeceu. Não importa se a instrução é abandonar algo, aguardar o tempo dele, fazer alguma coisa ou não fazer nada... matar ou deixar vivo. Deus mandou, faça... Deus não mandou, não faça! Se Ele não deu instrução nenhuma a respeito de algo, cabe entrar na presença dele e pedir sua orientação, expor as ideias... É assim, nas instruções ligadas diretamente ao reino e nas instruções aos assuntos de ordem pessoal... O que Deus instruir é o que tem que ser feito. Custe o que custar!!! Ideias próprias de como servir a Deus não gera adoração, pelo contrário, mata a comunhão. A “obediência é melhor que sacrifício” essa foi a lição dada por Deus a Saul. Deus não precisa de nossa opinião... ele exige nossa obediência. Saul poupou também os Amalequitas... e acabou sendo morto por um. Colheu o que plantou. Trágico fim. As instruções de Deus são sábias e acertadas. Confie nelas...

 Pela cruz de Cristo, Maristela Guimarães.

Nenhum comentário:

KOYNONIA - DESTAQUES DO MÊS

Deus pensou em você!





Deus pensou em você!
Na manhã de hoje...Deus pensou em você. Não diferente de ontem, precisamente ele calculou todos os riscos possíveis, que você correria neste dia, sem a intervenção dele em sua vida.
Pensou em que circunstâncias Ele teria que atuar a seu favor e através de você, com a legítima vontade de lhe abençoar.
Programou sua agenda de forma que seus sonhos se realizassem e suas expectativas fossem atingidas. Porém, observou que partes do dia ,várias vezes, (onde lhe deu liberdade de ação )você teve oportunidade de pedir ajuda e não o fez...e então conclui que por mais bem ele o fizesse e por mais bênçãos o desse, ainda assim,partes de suas escolhas seriam sem consultá-lo. Que pena! Sofrimentos poderiam ter sido evitados, dores não sentidas, frustrações não ocorridas e derrotas não vivenciadas. Porém, só assim você entendeu, já no finalzinho do dia, que era mais sensato e inteligente e bem menos dolorido, ter dito: Pai, me ajude... Mas amanhã é outro dia e tudo pode ser diferente. Já é tarde, Ele continua a te proteger e esperar a tua manifestação de filho. Seja sensato e não vá pra cama sem falar com Deus .Uma oração por menor que seja, poderá fazer uma grande diferença em sua vida.
"Que Ele cresça e que você diminua..."
(parafraseando- João Batista)
Deus te abençoe!
Pela cruz de Cristo,Maristela Guimarães.